• Post category:Dicas

Um Bairro ultramoderno numa velha cidade; assim é o Parque das Nações Lisboa, capital de Portugal.

Com excelente infra-estrutura, o Parque das Nações oferece diversas atrações interessantes e tornou-se um lugar muito procurado por turistas na Europa. Veja neste post o que este parque tem de melhor.

Parque das Nações foi construído em 1998 especialmente para sediar a Expo 98; uma feira mundial que teve início em 1851 e acontece anualmente reunindo dezenas de países e empresas. A próxima feira será em Dubai em 2020.

O fato de sediar a Expo 98 levou Portugal a um grande projeto de urbanização e requalificação, transformando as margens do Rio Tejo em uma das áreas mais interessantes da cidade. Situado em uma área de 5 km², o parque dispõe um terço deste espaço em áreas verdes com infraestruturas diferenciadas.

O que fazer no Parque das Nações Lisboa?

parque das nações
Parque das Nações

O Parque das Nações é dotado de espaço comercial, bares restaurantes e cafés, shopping, centro de eventos, museu, arena para shows, teatro, oceanário e o teleférico que oferece uma vista ampla do Parque.

O Jardim d’Águas no Parque das Nações foi embelezado pelas obras da artista plástica Fernanda Fragateiro. Nele pode-se visualizar o curso de água desde sua nascente até o estuário – percorrendo os meandros de uma bacia hidrográfica que inclui um lago artificial.

Para a Expo 98 foi  construída uma das estações ferroviárias e rodoviárias mais importantes de Lisboa, a Gare do Oriente, um complexo que inclui uma estação do  Metropolitano de Lisboa, (designada de Oriente), uma estação rodoviária e um espaço comercial.

A Gare do Oriente projetada pelo arquiteto e engenheiro espanhol Santiago Calatrava, é uma verdadeira obra de arte constituída de estruturas de aço, ferro e vidro.

Aqui no Parque das Nações é um ótimo lugar para se fazer lazer em Lisboa. O viajante pode passar momentos agradáveis junto à família, já que o local é muito tranquilo, e muito bem apresentado em se tratando de conservação e limpeza.

parque das nacoes portugal

Além da requintada arquitetura presente nas abóbadas das plataformas da Gare do Oriente, destaca-se também a imponente pala de betão pré-esforçado na entrada do Pavilhão de Portugal. Esta obra se baseia na ideia de uma folha de papel pousada em dois tijolos, abrindo o espaço à cidade para acolher os eventos neste local.

A Arena é o espaço projetado para abrigar atrações públicas e festivais. Com uma capacidade de 20 000 espectadores, é o maior pavilhão de espetáculos de Portugal. Ídolos como Justin BieberScorpions e Adele lotaram suas dependências em seus espetáculos.

O oceanário (gigantesco aquário desenhado pelo arquiteto americano, Peter Chermayeff ) do Parque das Nações Lisboa é um dos locais mais visitados.

oceanario lisboa 10

Este espaço é absolutamente fantástico, sendo digno de uma visita com muita calma para apreciar suas maravilhas.

É o segundo maior oceanário do Mundo e contém uma impressionante coleção de espécies — aves, mamíferos, peixes e outros habitantes marinhos.

Museu de Arte Ciência e Tecnologia ( MAAT)

maat lisboa 1aae90e0

O Pavilhão do Conhecimento abriga o maior centro interativo de Ciência e Tecnologia da rede Centros Ciência Viva no país.

Pelo preço de 5 Euros a entrada, o MAAT recebe em média mais de 850 visitantes por dia.

Arte no Parque das  Nações

A arte domina o espaço aqui  no Parque das Nações Lisboa. Nos jardins, no chão, nas ruas e praças se pode contemplar interessantes obras de arte que transformaram este local num verdadeiro museu a céu aberto.

Marina do Parque das Nações Lisboa tem 400 postos de amarração destinados a embarcações de recreio, assim como infra-estruturas preparadas para acolher grandes eventos da atividade náutica.

O local também dispõe também uma Ponte Cais não só para embarcações de cruzeiro ou históricas de grande porte, mas também como área de apoio para eventos em terra. Passeios de barco, cursos de navegação e até festas de aniversário infantil é possível se realizar neste espaço.

Por tudo que existe neste local e pelo que você pode fazer aqui, não dá para deixar o Parque das Nações  fora do seu roteiro de viagem em Lisboa.

Deixe um comentário